Amizades são como flores. Perfumam nossa existência.

Eu tenho mania de fuçar tudo. Sempre tive. Gosto de descobrir, de procurar, investigar. Hoje resolvi procurar o significado de alguns nomes. Não acredito necessariamente que porque você tenha determinado nome a sua personalidade é igualzinha ao significado dele, mas acho legal saber que nosso nome tem um significado. Achei alguns aqui e botei ra você verem.
Carolina: Indica uma pessoa voluntariosa, que adora dominar as outras. Chega a ser considerada fria e calculista, mas revela seus nobres sentimentos sempre que alguém precisa dela.
Renan: Do francês - Foca.
Agora o significado do nome dos meu filhos. rs
Izabel:
Nome que significa cumprir com as promessas. É próprio das pessoas que se regem pelo clássico lema "promessa é dívida". Respeitam escrupulosamente as decisões dos outros.
Theo: nome grego, significa "Deus".
Valentine: Vem do Latim, significa "Forte".
Enzo: Coroado com honras.
Amei saber que todos os nomes tem significados sublimes, exceto Renan, que é foca em francês, rs.

Mudando de assunto... Sabe aquela pessoa que você confia sem duvidar? Aquela pessoa que você nem sabe se é confiável ou não, mas você não tem medo de lhe contar nada, porque tem confiança mesmo sem ter certeza se ela é confiável ou não? Sabe aquela pessoa que parece ser sua amiga de infância? Raramente eu sinto isso em relação a alguma pessoa, até porque eu sou péssima pra fazer novas amizades. É muito difícil mesmo acontecer, eu ter uma intimidade espontânea com alguém que eu conviva menos de três anos. Mas isso aconteceu com a Danni.

Quando eu fiquei amiga das meninas da faculdade (o que demorou um pouco por conta da minha dificuldade de me relacionar), eu logo gostei de todas, apesar de bem diferentes, todas são maravilhosas à sua maneira.
Mas às vezes eu me sinto uma intrusa no meio delas sabe, tipo, elas já tinham um grupo de amizade formado, e de repente eu chego. Sei lá, Às vezes tenho vergonha delas, rs. Fico escolhendo o que dizer sabe, pra não parecer chata. Chega a ser engraçado, rs.
Mas isso acontece com a maioria das pessoas que conheço, porque tenho probleminhas pra fazer novas amizades. Só que com a Danni, foi completamente diferente.
Primeiro eu fiquei amiga da Malú, e foi justamente por isso que eu não gostei dela. Ela e a Malú eram amigas há muito, muito tempo. Ai ela começou a ter ciúmes de mim quando eu falava com a Malú, e a Malú me contou. E ai eu passei a detestar a Danni. Quando nós conhecemos pessoalmente fingi normalidade, apesar de não gostar dela. E ela também, muito civilizada, sorriu (sorriso colgate diga-se de passagem!), apertou minha mão, e disse um "tudo bem?".

Depois disso passei a detestar ela menos, rs. Aí ela me adcionou no orkut e ficamos "coleguinhas". Ela passou de minha inimiga mortal a um ser humano normal ao meu ver. Na verdade, o fator decisivo na nossa amizade foi o blog. Eu fiz o blog, ela leu, e gostou. Quando eu li o recado que dizia que ela tinha amado meu blog, e que se eu escrevesse um livro ela compraria e talz, eu mudei absolutamente o modo que eu via a Danni. Uma pessoa que não gosta da outra, por mais que a outra escreva muito bem, não aprecia o que a "inimiga" escreve. Adcionei ela no msn e começamos uma conversa bem civilizada. Ela disse que também queria ter um blog, mas tinha receio de não ter o que escrever e talz, e com o tempo eu fui vendo que nós eramos muito parecidas. Em pouquíssimo tempo eu já estava amando a Danni, rs. Hoje, somos muito amigas, e por incrível que pareça, não tenho vergonha dela, confio sem duvidar. Ela sabe de praticamente tudo da minha vida. às vezes eu conto uma coisa pra ela, eo Renan fica sabendo depois, rs. Até porque tem coisas que só mulher entende, como decoração. Pelo Renan tínhamos um sofá inflável em nossa sala! Fala tú Danni! Rs

Bem, pra resumir, o fato é que, me apaixonei pela Danni (o Marquinhos não precisa ter ciúmes, rs). Gostei dela de graça sabe. E é exatamete isso que eu sinto, como se ela fosse minha amiga de infância. Não tenho vergonha, nem restrição, gosto dela por completo. E eu vi que estávamos nos tornando amigas de verdademesmo eu tava querendo abndonar o livro e ela me deu a maior força. Isso é coisa de amiga que se preocupa com a aoutra. que outra pessoa se preocuparia em eu abandonar meu livro ou não? Só o Renan mesmo. Se fosse outra ia pensar "Dane-se, o livro nem é meu, problema é dela".


É verdade que nós conhecemos de forma desagradável, rs. Mas o tempo, a afinidade, o respeito, e o carinho nos tornaram amigas.
Tem pessoas que chegam despercebidamente e vão se alojando em nosso coração. E a Danni foi uma delas.
Mesmo em tão pouco tempo, gosto muito de você menina! <a href=

Em suma, é isso. Tenho uma novidade bombástica pra contar, mas vô deixar mais pra frente! rs
Super Beijo e até!

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS
Read Comments

0 comentários: